( 1 Voto )

 

Eh, não teve jeito, Gétulio Vargas foi CONDENADO em mais um ano no IABC. Depois de toda a análise dos jurados a acusação foi imbatível e NÃO teve defesa para o reú .

O projeto é  interdisciplinar, sendo organizado  pela professora de História  Elaine Abreu com o apoio dos professores da Língua Portuguesa. 

O projeto tem como objetivo pesquisar e analisar a vida de Getúlio Vargas, contextualizando as políticas públicas implementadas no período de 1930 à 1945.

O juri foi realizado, nesta quarta-feira 30/03 pelos alunos terceiranistas.

Aconteceu somente uma seção, onde os alunos do 3º A, B e C estavam divididos em advogados de defesa e acusação.

Os estudantes tem dois meses para pesquisar, analisar e  fazer as considerações necessárias para a realização do júri .

 Os levantamentos históricos e debates são  feito e coordenados pela professora de História como prévias para o momento do julgamento. Já a argumentação e oratória são desenvolvidas nas aula da Língua Portuguesa.

Nesse ano de 2016 o júri incorporou todos os  alunos do Ensino Médio. Mas como?

Na quarta- feira, dia do evento os alunos se vestiram com roupas da década de 30 e 40, o que deu origem a um outro projeto "Entrando para História".  Nos intervalos das aulas foram feitos protestos e manifestações prol e contra Gétulio. 

"É muito bom perceber o crescimento dos alunos no decorrer do projeto.  A escola toda envolvida e mobilizada para compreender um momento histórico, isso me deixa muito realizada. Esse projeto também tem como objetivo desenvolve o respeito, a tolerância, paciência, criatividade, a expressão corporal e também  o senso crítico entre os alunos". destacou a professora Elaine. 

A Era Vargas está entre os conteúdos mais relevantes para os vestibulares, então além do estudante aprender todas as coisas citadas acima ainda está se preparando para o Vestibular e Enem. 

 

Comentários (0)add comment


busy